Título:  Bate-papo com Márcia Ferrarezi - professora de dança do ventre

Autor(a): Márcia Ferrarezi
Data:      16/fev/2002
Descrição: Bate papo muito interessante com professora Marcia Ferrarezi. São abordados uma gama variada de assuntos 
relacionados à dança do ventre, como tempo para aprender o básico, emagrecimento, os benefícios, requisitos para uma boa bailarina, expressão facial, uso de acessórios, custo das roupas, origens, tipos de músicas e muito mais.
Comentários: Texto livre onde a professora responde as perguntas das internautas. Mostra a visão de uma profissional experiente na dança do ventre, onde a espontaneidade das respostas, devido a dinâmica desse tipo de entrevista, aumenta ainda mais a credibilidade do está sendo dito.
Estatística: 62 parágrafos, 254 linhas, 2180 palavras


 (18:03:59) Marcia Ferrarezi: Estou desejando boa-tarde para quem acaba de entrar na sala!!!!

 

 (18:05:01) Laura fala para Marcia Ferrarezi: Boa tarde Márcia...Gostaria que vc falasse dos benefícios da dança do ventre p/ a sexualidade feminina...

 

 (18:07:37) Marcia Ferrarezi: Laura, bom... a dança do ventre trás vários benefícios : expressão dos sentimentos, sensualidade, sedução... etc. o trabalho é muito intenso na região pélvica, como trabalhamos com a consciência, alongamento e fortalecimento da musculatura dessa região, com as aulas, ela vai poder acessar mais frequentemente essa região... diretamente ligada com a sexualidade feminina...

 

 (18:07:49) Hera fala para Marcia Ferrarezi: Boa tarde, Márcia. Há quanto tempo pratica a dança?

 

 (18:08:23) Marcia Ferrarezi: entra na sala...

 

 (18:10:48) Marcia Ferrarezi: Hera, eu entrei em contato numa viagem ao Marrocos em 1987... num restaurante, à noite, tinha um espetáculo... ela dançava solo e Žtirou-meŽ para dançar... percebi que eu já levava jeito para tal dança... então logo que cheguei ao Brasil em retorno me envolvi.... houveram momentos que este envolvimento foi mais intenso ou menos.... mas, de cinco anos prá cá tem sido recorrente e frequente tal envolvimento.

 

 (18:10:50) juca fala para Marcia Ferrarezi: Com quanto tempo de aulas aprendemos o básico da dança?

 

 (18:11:42) Marcia Ferrarezi: Juca, varia um pouco de mulher prá mulher... se vc fazer aula uma vez por semana... em 3 meses já poderá fazer solos lindos, inclusive com véu.

 

 (18:12:23) Marcia ribeiro fala para Marcia Ferrarezi: Márcia a dança do ventre ajuda a emagrecer?

 

 (18:13:49) Marcia Ferrarezi: Márcia Ribeiro, ajudar a emagrecer, sozinha... não... ajuda a mulher a identificar melhor o corpo e instigar-se a desenvolver o corpo de forma distinta. De forma conjuta a outros exercícios, sim, embora, por si própria, como já dito, não...

 

 (18:13:50) Latife fala para Marcia Ferrarezi: oi Márcia, boa noite, sou professora de dança do ventre e gostaria de saber a sua opinião sobre a exposição da dança na mídia como se seu único objetivo fosse o de sedução, dançar para marido, namorado, e esquecem de mencionar os outros inúmeros benefícios que a dança proporciona. Qual a sua opinião sobre isso?

 

 (18:15:48) Marcia Ferrarezi: Latife, como profissional eu acho que é cada pessoa que divulga a dança a partir de si tem o papel importante de passar as mulheres que essas danças tem um significado mais profundo. Não se pode esquecer do ponto de partida da dança, que era fazer apologia à Deusa... Procuro passar que é uma dança da aluna consigo mesma. A partir disso, será ela quem vai decidir...

 

 (18:15:53) fitness fala para Marcia Ferrarezi: o que é necessário para ser uma boa bailarina do venter

 

 (18:17:23) Marcia Ferrarezi: Fitness, ser apaixonada pela dança, amar o tipo de música... porque... a música é reponsável por boa parte da apresentação... é muito importante não se esquecer que é como se fosse um diálogo entre a ŽondaŽ da música e a ŽondaŽ do corpo.. e... estudar bem... para não estar falando bobagens...

 

 (18:17:26) ANA_LUA 23 fala para Marcia Ferrarezi: Como melhorar a expressao tensa no rosto no momento da danca?

 

 (18:19:31) Marcia Ferrarezi: Ana Lua, bom... você deve dançar, né? Bom... deve ser porque você enquanto dança pressiona a musculatura próxima a nuca... você deveria procurar relaxar esta musculatura, abrindo um espaço para si mesma... para ser um espaço de comunicação seu... Trabalho muito isto na minha aula... a tensão e distenção... se interessar... poderia aprender isto numa de minhas aulas [risos...]

 

 (18:19:32) *Shadows Girl*Rio fala para Marcia Ferrarezi: Gostaria de saber se homem tmb pode particar dança do ventre?

 

 (18:21:13) Marcia Ferrarezi: Shadows Girl, o mundo é livre... não poderia dizer se um homem pode ou não. Acredito que a dança do ventre seja muito delicada... feminina, enfim... há uma grande sinuosidade; para mim, é uma dança que combina melhor com as garotas. Há homens que dançam e são famosos. Dançam bem. Enfim...

 

 (18:21:20) Latife fala para Marcia Ferrarezi: oi márcia, qual a sua opinião sobre o uso excessivo de acessórios não-históricos na dança do ventre, como por exemplo a espada e as tacinhas?

 

 (18:24:21) Marcia Ferrarezi: Latife, eu não tenho certeza se a espada não é histórica. Onde eu li... a espada tem uma figura muito bonita... os povos nômades tinham o costume de quando pararem para descanso, as mulheres agarravam as espadas para demonstrar que também sabiam utilizála. Há muitos outros elementos históricos também usados, como o jarro, a bengala, o candelabro, etc. Não podemos esquecer que é uma dança que existe há milênios, e portanto é inevitável haver uma influência distinta... acredito que tudo que é >>

 

 (18:24:27) Marcia Ferrarezi: belo deve ser valorizado...

 

 (18:24:37) Moranguinhoz12 fala para Marcia Ferrarezi: sou fã da dança do ventre, mas não levo jeito nemhum ,será que consigo aprender?

 

 (18:26:41) Marcia Ferrarezi: Moranguinhoz12, como é que você sabe que não leva jeito nenhum??? Aprender sobre a dança do ventre é visualizar todas as partes do corpo e aprender a lidar com cada pedacinho dele... sempre você aprenderá algo... desde o estado de ânimo interno, até extravasá-lo... há vários tipos de dança... estilos mais agressivos, outros menos... vale você buscar qual mais se indentifica... :o)

 

 (18:26:48) Cris fala para Marcia Ferrarezi: Você acha que hoje com a popularização da dança do ventre por causa da novela O clone, a essência irá se perder?

 

 (18:28:32) Marcia Ferrarezi: Chris, não... muito pelo contrário... mesmo que haja quem seja muito crítico quanto a mídia, eu não acredito... Acho que a essência, volto a dizer, está sob a responsabilidade de quem passa, de quem ensina. Na verdade, a essência está em cada uma das participantes. Tal essência pode ser oportuna prá a gente estar ampliando o alcance sobre as participantes. ]

 

 (18:28:35) Amanda fala para Marcia Ferrarezi: Quais são os estilos na dança do ventre?

 

 (18:30:28) Marcia Ferrarezi: Amanda, a dança do ventre se popularizou muito... não há uma nomenclatura... há uma linha mais tradicional, há quem tenha um estilo mais moderno, mais contemporâneo... Em suma, há esses dois ŽestilosŽ. Cada professor, e em cada nação há uma dança muito distita... pois... liga-se muito com a personalidade a vivencia de quem está lecionando.

 

 (18:30:33) Elen fala para Marcia Ferrarezi: Exixte algum site sobre a dança do ventre e as respectivas músicas?

 

 (18:32:11) Marcia Ferrarezi: Elen... há muitos sites... Em geral, os sites são das bailarinas e professoras mais conhecidas... esta semana eu fiz uma pesquisa. Encontrei um jornalzinho chamado Oriente Encanto e Magia que é ótimo... o endereço é http://www.orienteencantoemagia.com.br/ ;

 

 (18:32:18) Bete fala para Marcia Ferrarezi: Como vc realiza trabalho de dança do ventre com reestruturação corporal?

 

 (18:34:02) Marcia Ferrarezi: Bete, a minha formação [sou professora de educação física e terapeuta], na educação física, a reestruturação corporal me interessou bastante. Trabalho junto com a ginástica holística em que desempenhamos um preparo do corpo... aquecendo-o e preparando-o para ser usado na dança.

 

 (18:34:09) Latife fala para Marcia Ferrarezi: qual a sua opinião sobre o papel do véu na dança do ventre?

 

 (18:36:03) Marcia Ferrarezi: Latife... Sou APAIXONADA pelo véo... ele pode ser levado a novas alunas logo no primeiro encontro. Procuro levar um cesto cheio de véus leves e colocar música para as alunas se soltarem... Tudo isso é muito lúdico e procuro colocar muito disto para as alunas... há um quê sensual muito presente no véu... é muito interessante como é grande a possibilidade do véu.

 

 (18:36:05) !#RE#! fala para Marcia Ferrarezi: tem alguma restrição para alguma pessoa naum fazer dança do ventre??

 

 (18:38:30) Marcia Ferrarezi: RE, quando eu recebo um grupo de alunas, trato de perguntar a respeito de algum tipo de dor ou algo que incomoda no corpo, se a pessoa tem algum problema na coluna ou na lombar, procuro investigar se a dança traz complicação, ou se por acaso pode chegar a trazer benefícios... Tomo muito cuidado com relação ao lance da lordose... acho muito perigosa a falta de cuidado com a posição que muitas bailarinas adotam para evidenciar os seios, ou as nádegas. Procuro mostrar muito a respeito do >>>

 

 (18:38:46) Marcia Ferrarezi: do corpo que deve ser respeitado para não Žperder o chãoŽ.

 

 (18:38:49) Anjinha fala para Marcia Ferrarezi: vc da aula de dança do ventre no Rio de Janeiro ou São Paulo

 

 (18:40:07) Marcia Ferrarezi: Anjinha... em SP. Sou paulistana e vou aulas em São Paulo. No final do bate-papo vou passar meu tel, meu e-mail e onde dou aulas por aqui...

 

 (18:40:09) Ross fala para Marcia Ferrarezi: a dança de ventre só é praticada no oriente ou no mundo todo?

 

 (18:40:41) Marcia Ferrarezi: Ross, em todo o mundo. Em alguns lugares mais... outros menos... mais... em todo o mundo sim...

 

 (18:40:53) Elen fala para Marcia Ferrarezi: Como se chama a roupa usada para a dança do ventre?

 

 (18:42:27) Marcia Ferrarezi: Elen, que eu saiba... humildemente, não existe um nome específicos. Lembrando-se que há distintos estilos. Eu mesma uso um boustie e uma calça bordada de tecido... mas... não possui um nome próprio.

 

 (18:42:34) !#RE#! fala para Marcia Ferrarezi: a partir de q idade vc recomenda fazer dança do ventre???

 

 (18:44:11) Marcia Ferrarezi: RE, esta é uma questão controversa. Prefiro dar aulas a adolescentes até a terceira idade... Crianças eu acho um pouquinho complicado... pois há principios que não serão muito desenvolvidos... procuraria trabalhar mais as funções motoras, procurando respeitar o desenvolvimento em que está...

 

 (18:44:18) Bete fala para Marcia Ferrarezi: Aonde vc dá aulas?

 

 (18:45:04) Marcia Ferrarezi: Bete, atualmente dou aula no Espaço Elma e Espaço Lotus... no final passo os telefones... dou também aulas particulares...

 

 (18:45:21) Marcia Ferrarezi: No fim do bate-papo passo todas a informações.

 

 (18:45:23) rosana fala para Marcia Ferrarezi: como é o Harem da Imaginacao?

 

 (18:46:58) Marcia Ferrarezi: Rosana, o Harem da Imaginação é um grupo de dança, minha mestra, Luciana Lambert foi quem me mostrou muito da dança... tenho contato com ela até hoje... Fazemos apresentações para quem contrate... chegamos a fazer uma apresentação no programa Super Positivo, da rede Bandeirantes...

 

 (18:47:01) Mohammed. fala para Marcia Ferrarezi: Outras pessoas perguntaram depois e tiveram resposta, por minha pergunta não é selecionada?? A dança do ventre tem origem no Egito? Já li algo assim.

 

 (18:49:31) Marcia Ferrarezi: Mohammed, também no Egito, pelo o que li.. . Ela surgiu, pelo que se sabe, nas sociedades arcaicas em que as mulheres faziam apologias à Deusa. Como dependiam da terra para tudo, relacionavam a terra com a figura feminina, por isso havia tal adoração a uma deusa. O que acontece é que no Egito sempre foi recorrente a frequencia da busca pela dança do ventre... talvez seja por isso que haja tal ligação...

 

 (18:49:37) Moranguinhoz12 fala para Marcia Ferrarezi: Tem um certo tipo de musica,qual?

 

 (18:51:40) Marcia Ferrarezi: Moranguinhoz12, sim... hoje a gente dança principalmente com músicas árabes... não gosto muito das populares que são bastante presentes... uma pessoa que gosto muito é Hossan Ramsy... que tem um estilo que gosto muito, pois me atraem mais os estilos mais clássicos e mais distintos... gosto das canções menos cantadas e mais sutis... como as desse que mencionei. ]

 

 (18:51:57) Pamela fala para Marcia Ferrarezi: Atualmente , está surgindo diversas escolas de dança do ventre, inclusive dentro de academias, como saber diferenciar a qualidade no caso de nós que somos leigas no assunto.Para que não caiamos em falsas professoras.

 

 (18:53:38) Marcia Ferrarezi: Pamela... é muito difícil sua pergunta... Uma coisa é usar seu feminino, sua intuição... procurando numa aula de amostra ver se a professora tem boa qualidade e principalmente se você se indentifica com a profissional... outra dica é procurar alguém que já pratique... outra opção é procurar locais mais conhecidos e renomados...

 

 (18:53:45) ANA_LUA 23 fala para Marcia Ferrarezi: E verdade que na danca do ventre cada movimento tem um significado?

 

 (18:54:44) Marcia Ferrarezi: Ana Lua, miutos movimentos têm significado, como já falei... há relação entre a natureza e o corpo da bailarina... nem tudo o que dançamos não tem exatamente um significado explícito...

 

 (18:54:50) Erika fala para Marcia Ferrarezi: As roupas de dança do ventre são caras?

 

 (18:56:46) Marcia Ferrarezi: Erika, sim... são caras. Você pode fazer artesanalmente... há profissionais que têm seus estúdios que fazem criações personalizadas. Por muito tempo eu mesma usei coisas que uma amiga minha confeccionava. É muito legal buscar a criatividade... há também a possibilidade de recorrer a 25 de Março, embora haja muita coisa sem muita personalidade...

 

 (18:56:51) MIMI fala para Marcia Ferrarezi: AONDE SAO ENCONTRADAS ESSAS ROUPAS

 

 (18:58:10) Marcia Ferrarezi: MIMI, bom... como já disse... na Ladeira Porto Geral, próximo a 25 de Março... onde você pode encontrar inúmeros objetos. No jornalzinho que já mencionei, há endereços e contatos desses estúdios.

 

 (19:00:55) Marcia Ferrarezi: Eu gostaria de dizer que adorei este bate-papo, espero que possam haver outros, porque prá mim é muito importante respondê-los... muito feliz pela audiência ter só crescido... a todos que entraram no bate-papo... espero que tenha respondido 'as perguntas e curiosidades, e deixo agora então meu telefone... 3815-5464 ou 9162-4860 meu e-mail é ferrarez@terra.com.br na Elma, onde dou aula, 5044-9658 e no Lotus, 3021-5259 outros lugares, basta ligar para mim prá saber...

 

 (19:01:35) Marcia Ferrarezi: Acho muito importante saberem que... acho que toda mulher deveria experimentar esta dança!!! Até pessoal!


fonte: